terça-feira, 20 de novembro de 2012

Prefeitura de Fortaleza deixa R$ 232,5 milhões em obras não concluídas


Dinheiro são para obras para Beira Mar, habitação e Copa do Mundo.
Equipe de Roberto Claudio afirmou que criará secretaria de segurança.
Do G1 CE com informações da T Verdes Mares
A prefeita Luizianne Lins deixará 232,5 milhões para o prefeito eleito Roberto Cláudio em obras não conclúídas, segundo informação confirmada pelo coordenador da equipe de transição da prefeita, Alfredo Pessoa, durante a reunião entre as equipes de transição da prefeita Luizianne Lins e do prefeito eleito Roberto Cláudio, na tarde desta segunda-feira (19), no Paço Municipal,  sede do poder executivo da capital cearense.
Segundo Alfredo Pessoa, os valores são 80 milhões para a recuperação da Avenida Beira Mar, R$ 2,5 milhões para a Praça 31 de março, R$ 40 milhões para obras de habitação e R$ 110 milhões para a Copa do Mundo.
"Nós temos uma prefeitura equilibrada. A situação está bem melhor que a gente pegou em 2004. E vamos nos desenrolar da transição comprovar isso com a documentação que nós temos em mãos", disse.
Secretaria de Segurança
Durante o encontro, a equipe de transição do prefeito Roberto Claudio anunciou que uma das prioridades da próxima administração é criar uma secretaria municipal ligada à segurança pública, mas não sabe ainda como a nova secretaria vai funcionar. "Ter uma secretaria ligada à segurança para se articular com a do estado e isso é uma decisão. Mas agora, que nome ela terá vai depender do que nós conhecemos dessa realidade", explicou Eudoro Santana, coordenador da equipe do prefeito eleito Roberto Claudio. A equipe do prefeito eleito ainda assegurou que a gestão vai priorizar três área: saúde, educação e mobilidade urbana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário