sábado, 8 de dezembro de 2012


Assaltante morto em troca de tiros em Palhano participou do furto ao Banco Central

Redação Web 
A Superintendência da Polícia Civil confirmou que Ricardo Laurentino, morto em uma tentativa de assalto a agência do Banco do Brasil na cidade de Palhano, teria participado do furto ao Banco Central, em 2005.
De acordo com Luiz Carlos Dantas, superintendente do órgão, além do envolvimento com o furto havia, contra ele, vários mandados de prisão abertos por diversos crimes nos estados de São Paulo e Rio Grande do Sul.
O assalto a cidade de Palhano aconteceu na última terça-feira (4), quando quatro bandidos foram mortos, outros três capturados e a apreensão de várias armas de fogo, entre elas, pistolas e um fuzil. O bando metralhou a sede do destacamento policial, fez dois PMs reféns e, ainda, explodiu os caixas eletrônicos da agência do Banco do Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário