sábado, 19 de janeiro de 2013

Hospital inaugurado no Ceará deve funcionar '100%' em 4 meses, diz Cid


Hospital da Região Norte será inaugurado nesta sexta com show de Ivete.
Unidade deve atender cidades da região Norte nos próximos 120 dias.

Do G1 CE
O Hospital da Região Norte do Ceará, inaugurado nesta sexta-feira (18), irá funcionar de forma plena em até quatro meses, de acordo com o governador do Ceará, Cid Gomes. "Entre o início, hoje, que já começa a operar, e o atendimento de emergência no Hospital do Cariri, demorou 120 dias, então é esse o tempo necessário para que a gente atinja 100% da operação no Hospital de Sobral", diz Cid.
O Hospital do Cariri foi o primeiro hospital regional inaugurado pelo Governo do Estado, em Juazeiro do Norte, há dois anos. A inauguração do Hospital da Região Norte, em Sobral, está previsto para ser inaugurado na noite desta sexta-feira com show da cantora baiana Ivete Sangalo.
"O hospital, ele não é uma fazenda, que você bota o gado dentro e o gado começa a comer. O hospital tem estruturas muitas complexas, tem um refeitório, uma cozinha industrial, tem oficina, tudo isso demanda um certo tempo para funcionar", diz o governador.
Na primeira etapa, segundo Cid Gomes, funcionarão os setores de retaguarda (lavanderia, oficinas, cozinha); em seguida os laboratórios; na terceira etapa, devem começar os procedimentos cirúrgicos; por fim, num prazo de quatro meses, serão realizados atendimentos de emergência.
Ainda de acordo com o Cid Gomes, são contratados 1.600 profissionais da saúde para o hospital, que devem iniciar as atividades no prazo de 120 dias.
Polêmica do cachê de Ivete
Sobre a polêmica em torno do cachê de Ivete Sangalo para o show, de R$ 650 mil, Cid Gomes defendeu a festa para a população de Sobral. Ele afirma que não há irregularidades no valor.
O Ministério Público de Contas havia questionado o alto valor do cachê, mas  o Tribunal Contas do Ceará (TCE) não detectou irregularidades em primeira análise.
O hospital
O HRN vai assistir a população de toda a macrorregião Norte, com 55 municípios. Na estrutura de assistência, terá 382 leitos. Desse total, 199 exclusivamente para internação. O número de leitos de UTI que a população da macrorregião Norte passará a ter com o novo hospital chega a 70, que somados aos 30 semi-intensivos da Unidade de Pediatria sobe para 100 leitos.
Os profissionais que trabalharão no HRN estão sendo convocado por meio de uma seleção pública. Do total de 1.641 vagas ofertadas, 697 são para profissionais de nível superior. Somente para médicos, são 342 vagas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário