domingo, 28 de julho de 2013

Criminoso sumiu depois de tiroteio

VILA VELHA
Uma mulher, identificada como Juliana de Oliveira Gomes, 18, presa, na noite da última terça-feira, acusada de posse de arma e tráfico de drogas no bairro Vila Velha II, já foi transferida para o presídio. Agora, o trabalho da Polícia tem como objetivo prender o companheiro dela. Trata-se do traficante José Erivan Martins de Paulo, que fugiu, depois de trocar tiros com os PMs do Batalhão Raio (BPRaio).

Policiais do BPRaio mostram a escopeta do traficante que foi apreendida durante a operação chefiada pelo major Teófilo Gomes na zona Oeste FOTO: FERNANDO RIBEIRO
Juliana chegavam em casa, situada na Rua Paulo Rubens, 508, bairro Vila Velha, logo após o marido escapar do cerco.

No imóvel, foram encontradas uma espingarda calibre 12 (escopeta) de repetição, munições, balança de precisão, sacos plásticos para embalar as drogas e a importância de 985 reais, além de fogos de artifício.

Segundo o delegado Barbosa Filho, titular do 7º Distrito Policial (Pirambu), os rojões são usados para avisar a chegada de drogas ou a aproximação da Polícia.

Erivan é considerado bandido de alta periculosidade. Além de tráfico, ele é suspeito de envolvimento em vários crimes de morte registrados no bairro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário