quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Policiais encontram bomba enterrada no Álvaro Weyne


PRONTA PARA EXPLODIR
Image-0-Artigo-1546009-1
A bomba foi feita com material explosivo utilizado, geralmente, em pedreiras. O artefato acabou localizado junto a drogas, uma pistola de calibre 9 milímetros, além de munição, e foi desarmada por uma equipe de policiais do Gate
FOTO: KID JÚNIOR
Policiais militares da Força Tática de apoio (FTA) da 3ªCia do 5ºBPM (Pirambu), comandados pelo major Océlio Alves, apreenderam, na tarde de ontem, uma bomba pronta para ser detonada; material usado na produção de 'loló' ; armas e drogas, no bairro Álvaro Weyne. O artefato foi desarmado pelo Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate).
De acordo com o soldado Arley Castro, que participou da apreensão, uma denúncia anônima deu conta que o material estaria enterrado em um terreno baldio na esquina das ruas Teodomiro de Castro e Graça Aranha. "Cavamos e encontramos o material muito bem embrulhado", disse o soldado.
Os 146 frascos de 'loló prontos para serem comercializados; oito frascos de um produto utilizado em soldas que era usado na produção do entorpecente; uma pistola de calibre9 milímetros; e pequenas quantidades de crack e cocaína foram levadas par o Quartel e, depois, para o 7ºDP (Pirambu). A Polícia não sabe quem seria o dono do material.
O PM explosivista do Gate, José Alex Mendes, disse que a bomba era feita com um material potente usado em pedreiras (emulsão). "Possivelmente, os criminosos usariam para explodir caixas eletrônicos. A pessoa que fez a bomba é experiente, certamente, tem conhecimento sobre explosivos", afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário