domingo, 9 de março de 2014

Mulher que matou a mãe no RJ é capturada em Itarema

COM O NAMORADO
Image-0-Artigo-1562249-1
A Polícia do Rio de Janeiro lançou uma campanha para prender o casal. Os dois já tinham mandados de prisão temporária contra eles
FOTO: REPRODUÇÃO
Um casal, foragido do Estado do Rio de Janeiro foi preso, em Itarema (237Km de Fortaleza), durante uma ação da Polícia Civil e Polícia Militar, destacada na Área Integrada de Segurança (AIS) 17, ocorrida no último domingo. Os dois são suspeitos de terem matado a mãe da mulher presa e tentado ocultar seu cadáver enterrando a mulher sob a pia da cozinha e jogando concreto por cima da cova. O caso aconteceu na cidade de Santa Cruz.
Samile Pinto Fonseca, 39, foi achada em uma lanchonete, no Centro da Cidade. No momento em que foi abordada pelos policiais ela tentou negar que fosse a pessoa por quem eles estavam procurando. Depois de ser reconhecida, Samile acabou dizendo que matou Sônia Maria Pinto da Fonseca, 62.
Ela levou a Polícia até a localidade de Várzea do Lagamar, onde seu companheiro, Fábio de Oliveira Furtado, 18, estava. O jovem estava na casa que o casal alugou para viver.
Os dois foram conduzidos à Delegacia Regional de Acaraú, onde foram ouvidos e recambiados para a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em Fortaleza. O diretor da Especializada, delegado Luiz Carlos Dantas, comunicou ao diretor da Divisão de Homicídios do Rio de Janeiro, que a prisão foi efetuada.
O delegado carioca Rivaldo Barbosa está concluindo os procedimentos legais para providenciar a ida dos suspeitos do homicídio para seu Estado de origem. O crime teria acontecido porque Sônia, não aceitava o relacionamento da filha única com um homem 21 anos mais jovem.
Jaguaribara
O agricultor Antônio Edilson Rodrigues, 38, suspeito de ter esfaqueado e matado Murilo Charles Nogueira Mendes, foi preso na última quinta-feira, dia 06. O caso ocorreu na última segunda-feira, no Sítio Curupati Peixe, em Jaguaribara (285Km de Fortaleza). Rodrigues fugiu, mas foi capturado por policiais da Delegacia Regional de Jaguaribe, onde foi autuado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário