sexta-feira, 30 de maio de 2014

RESGATE DE PRESOS

Adolescente teria comandado ação
Image-0-Artigo-1624576-1
Delegados Pedro Viana, Rudson Rocha e Raphael Vilarinho ressaltaram o trabalho conjunto entre as delegacias na captura dos acusados
FOTO: RUI NÓBREGA
A Polícia Civil esclareceu, ontem, em entrevista coletiva, os detalhes da operação que resultou na prisão de três homens e na apreensão de um adolescente, apontados como suspeitos de envolvimento no resgate de presos do 18º DP (Jurema) e 19º DP (Conjunto Esperança).
O adolescente confessou ter abordado e agredido o agente na fuga do 18º Distrito, sendo reconhecido pela vítima.
Além dele, foram capturados Francisco Jonhy Ferreira Martins, de 26 anos, o 'Garoto', e Thiago Lima Silva, 19, envolvidos no mesmo grupo que fez o resgate de nove presos na última terça-feira (27). A arma do policial, tomada na ação, foi encontrada com Francisco. Thiago foi preso portando uma pistola 380. Já Bruno Santos da Costa, de 31 anos, é apontado pela Polícia como responsável por dar apoio logístico ao grupo que resgatou sete detentos do 19º DP.
Colaboração
A operação contou com 10 equipes, em trabalho colaborativo que envolveu agentes do 32º DP (Bom Jardim), Delegacia de Narcóticos (Denarc), Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e Delegacia de Roubos e Furtos (DRF).
O titular da Denarc, delegado Pedro Viana, comemorou. "Já temos outros suspeitos identificados. O importante é que a Polícia unida, trabalhando em conjunto, dá resultado", disse.

Homem é preso com 2kg de cocaína em ônibus

São Gonçalo

Homem preso com cocaína em ônibus
Um homem de 37 anos foi preso dentro de um ônibus da rota Palmas/TO-Fortaleza, transportando 2kg de cocaína. A droga estava distribuída em 23 pacotes, dentro da bagagem. O homem já havia sido preso em 2011 por tráfico de drogas em Fortaleza. A abordagem foi no km 60 da BR-222, por volta das 12h.
Varas da Infância
Atendimento é suspenso por 2 dias
O atendimento ao público nas Varas da Infância e da Juventude de Fortaleza, no Fórum Clóvis Beviláqua, está suspenso desde ontem para implementação de mudanças no funcionamento das unidades. Serão realizados trabalhos de redistribuição e migração de ações entre sistemas processuais.
Pedra Branca
Assaltantes matam mototaxista
Um mototaxista foi morto em um assalto na noite da última quarta-feira (28) na cidade de Pedra Branca. A vítima foi atingida por três tiros nas costas. Ele foi socorrido ao hospital, mas morreu. Minutos antes, outro mototaxista havia sido vítima de assalto, supostamente pelo mesmo grupo criminoso, segundo populares.
Acusados de homicídio
Trio tem pedido de liberdade negado
Três homens, acusados de homicídio qualificado na cidade de Quixadá, tiveram o pedido de liberdade negado pela 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). A decisão teve a relatoria do desembargador Mário Parente Teófilo Neto. Segundo as investigações, o trio recebeu R$ 4 mil para executar a vítima, em 2012.
Planalto Pici
Mãe e filha detidas por tráfico de drogas
Uma mulher de 35 anos foi presa e a filha, de 17, apreendida, após denúncias de populares as apontarem como responsáveis pelo tráfico de drogas no Planalto Pici. Na casa das duas, a Polícia encontrou mais de 200 pedras de crack, dezenas de trouxas de maconha e papelotes de cocaína. A adolescente já possui passagens na Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) por tráfico.

SSPDS inaugura nova Ciops e CICCR

SOLENIDADE
Image-0-Artigo-1624669-1
Equipamento será utilizado nos procedimentos operacionais durante a Copa do Mundo e funciona no atual prédio da Secretaria
FOTO: DIVULGAÇÃO/SSPDS
O novo prédio da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) e o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR) são inaugurados hoje, às 10h, pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). A solenidade conta, também, com a entrega das novas viaturas da Polícia Militar, Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros Militar.
O CICCR está localizado na sede da SSPDS, no bairro São Gerardo, em Fortaleza. Nele serão coordenados todos os procedimentos operacionais relacionados à segurança na Copa do Mundo de 2014, que começa dia 12 de junho e tem Fortaleza como uma das 12 cidades-sede.
O funcionamento do Centro acontecerá 24h por dia, abrigando representantes dos serviços de emergência que estão à disposição da população e são oferecidos pela Polícia Militar (PM), Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (CBMCE), Polícias Federal e Rodoviária Federal, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), além de outros órgãos. A integração entre essas instituições possibilitará a tomada rápida de decisões.
Os investimentos destinados ao CICCR envolveram recursos da ordem de R$ 31 milhões, oriundos do Governo do Estado do Ceará e da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos do Ministério da Justiça (Sesge/MJ).
Ciops
A nova estrutura da Ciops passa a funcionar no prédio do CICCR. Para a modernização do atendimento da Coordenadoria, foi adquirido um novo sistema de radiocomunicação e um novo sistema de atendimento e despacho, com investimentos de, aproximadamente, R$ 42 milhões.
Outros R$ 57 milhões foram investidos para adquirir 330 novas viaturas que serão entregues até julho deste ano.

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Acidente deixa 5 pessoas feridas na Av. Washington Soares, em Fortaleza

Colisão entre dois veículos aconteceu na noite desta quarta-feira (28).
Helicóptero teve de aterrisar na avenida para ajudar no socorro.
Do G1 CE
Passageiros do Siena ficaram presos às ferragens (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)Passageiros do Siena ficaram presos às ferragens (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)
Uma colisão entre dois veículos deixou cinco pessoas feridas na noite desta quarta-feira (28) na Avenida Washington Soares, próximo ao Fórum Clóvis Beviláqua. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRE), duas pessoas, uma de 37 e outra de 36 anos, ficaram gravemente feridas e presas às ferragens. Um helicóptero do Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) teve de aterrisar na avenida para ajudar no socorro de uma das cinco vítimas.
Segundo a PRE, o acidente foi causado depois que o motorista do táxi fazia um retorno irregular. O motorista do Corola não conseguiu desviar, colidou na lateral do táxi e depois perdeu o controle, batendo em um poste. Os feridos foram levados para o Hospital Dr. José Frota, no Centro de Fortaleza. Policiais rodoviários controlaram o trânsito no local que ficou lento depois do acidente.
Acidente com dois veículos deixou cinco pessoas feridas (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)Acidente com dois veículos deixou cinco pessoas feridas (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)

Policial civil tem a arma roubada no Centro de Fortaleza

Dionísio Torres

Homem agredido
Um homem foi agredido por populares após tentar assaltar na Avenida Desembargador Moreira, na tarde de ontem. "Eu ia roubar para comprar drogas. Mas depois dessa surra, vou sair dessa vida", afirmou. Uma ambulância particular passava pelo local e prestou socorro. A vítima não registrou queixa e o homem foi liberado
Maracanaú
Ex-delegado é detido acusado de furto
Um ex-delegado de Polícia Civil foi detido em Maracanaú, acusado de furtar produtos de um supermercado. Segundo a Polícia, o suspeito foi ouvido e liberado, porque não havia indícios suficientes para autuação em flagrante.
Acidente
Aposentado morre após ser atropelado
Um aposentado foi atropelado na manhã de ontem, na BR-116, na Localidade de Posto Novo, em Icó. O condutor do veículo foi levado para a Delegacia.
Homicídio
Julgamento de holandês é adiado
O julgamento do holandês Stefan Smit, acusado de matar o filho Sigel Smit, de 3 anos, foi adiado para segunda-feira (2). O adiamento ocorreu devido à ausência de um perito, indicado pela defesa como testemunha imprescindível.
Centro
Policial civil tem a arma roubada
Uma policial civil foi assaltada, ontem, na Avenida Duque de Caxias, no Centro de Fortaleza. Os criminosos levaram a bolsa da mulher e arma da mulher.

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Quadrilhas atacam 26 municípios cearenses

ROUBOS A BANCOS

Já foram contabilizadas 27 ações criminosas somente neste ano; seis cidades estão sem atendimento bancário

aa
Quadrilhas especializadas em assaltar bancos já atacaram 26 municípios cearenses, somente neste ano de 2014. Ao todo, já foram registrados 27 ataques - incluindo assaltos e tentativas de roubos a agências bancárias; explosões e arrombamentos de caixas eletrônicos. Destas cidades, em seis o atendimento bancário está suspenso, já que os prédios foram destruídos por explosões.
A última ação registrada no Ceará ocorreu na cidade de Pacoti, a 95 km de Fortaleza. Um bando formado por cerca de oito homens explodiu um posto avançado do Bradesco, instalado na Praça Coronel José Cícero Sampaio, no Centro daquela cidade, na madrugada de ontem. De acordo com a Polícia, os criminosos conseguiram levar o dinheiro, que estava nos caixas eletrônicos, abastecidos horas antes.
Conforme informações do capitão Celso, destacado na Cidade, a quadrilha estava em dois veículos, uma Saveiro, de cor vermelha, e um Siena. Durante a ação, uma parte do grupo se dirigiu para o destacamento da Polícia Militar, que fica há cerca de 100 metros do banco, e metralhou a fachada do prédio.
Ousada
"Foi uma ação ousada. Acreditamos que eles já tinham informações privilegiadas sobre o abastecimento dos caixas. Atiraram contra a Polícia, na tentativa de nos intimidar e de fazer com que ninguém saísse do Destacamento. Pelas cápsulas que encontramos pelo chão, e pelo estrago feito, acreditamos que as armas usadas eram de grosso calibre", declarou o militar.
Grande parte da estrutura física do prédio da agência bancária foi afetada. O delegado Regional de Baturité, Ricardo Pinheiro, disse que a equipe da Perícia Forense (Pefoce) de Canindé foi acionada para verificar se havia outros explosivos no local, que não foram detonados. "O banco fica em uma área residencial. Tememos que algum explosivo não tivesse sido detonado e isto comprometesse a segurança das casas e dos moradores das proximidades. Fizemos um isolamento no local e monitoramos para que ninguém se aproximasse", explicou o delegado.
Ricardo Pinheiro disse, ainda, que a quantia em dinheiro levada pelos criminosos não foi informada pelo Bradesco, e que nenhum representante da instituição financeira esteve na delegacia, para registrar o ocorrido. O capitão Celso declarou que policiais militares de Canindé, Mulungu, Guaramiranga e duas viaturas do Comando Tático Motorizado (Cotam) do BPChoque, estão diligenciando à procura dos suspeitos, desde a madrugada de ontem.
"Os veículos usados têm as mesmas características dos que foram usados no ataque ao banco de Palmácia, no último dia 22. O modo como eles agiram também foi bem parecido. Pode ser que tenha sido a mesma quadrilha, mas ainda não podemos afirmar nada", disse o capitão.
O delegado de Baturité contou que populares prestaram informações anônimas, por telefone, sobre o paradeiro dos suspeitos e que estas estão sendo checadas. "É muito importante esta contribuição da população. Com certeza, alguém presenciou o fato. Vamos procurar as testemunhas, ouvi-las para tentarmos elucidar o fato", encerrou Pinheiro.
Ataques
Um dos alvos recorrentes dos criminosos é o Bradesco da cidade de Apuiarés. Desde que foi instalado, o equipamento já foi atacado em quatro ações criminosas.
De acordo com o Sindicato dos Bancários do Ceará, seis agências do Estado estão paradas, após sofrerem ataques, porque os prédios em que funcionavam foram destruídos.
Os Municípios que tiveram a atividade dos bancos suspensas são Boa Viagem, Morada Nova, Aracati, Tejuçuoca, Palmácia e Baturité, conforme o diretor do sindicato, Bosco Mota.
Ele afirmou, também, que todas estas agências estão sendo reformadas, mas ainda não há previsão de que os expedientes sejam restabelecidos com normalidade, em nenhuma delas.
"Quem sofre com tudo isso é a população, tanto porque precisa se deslocar para fazer alguma transação bancária, quanto pelo medo de morar perto de uma agência. O fato de residir perto de um banco virou um perigo constante", considerou o diretor do Sindicato dos Bancários.
Márcia Feitosa
Repórter

Dez presos são resgatados de DP

JUREMA
Image-0-Artigo-1622882-1
Três homens e uma mulher invadiram o prédio e resgataram dez presos recolhidos na DP
FOTO: NAVAL SARMENTO
Dez presos foram resgatados do 18º DP (Jurema) por volta das 20 horas de ontem. Na última segunda-feira (26), sete detentos escaparam do 19º DP (Conjunto Esperança). Os casos contabilizam 17 foragidos em menos de 48 horas em Fortaleza e Região Metropolitana. As informações são da Redação Web do Diário do Nordeste.
De acordo com a Polícia, três indivíduos armados de pistola e uma mulher invadiram a Delegacia e renderam o único inspetor que estava no local. Os suspeitos fugiram levando a arma do policial civil, uma pistola Ponto 40.
O permanente foi agredido com coronhadas pelos bandidos que ficaram irritados pela demora do policial em abrir o cadeado do xadrez. Segundo o Sindicato dos Policiais Civis do Ceará (Sinpol-CE), os homens que fizeram o resgate disseram que iriam matar o inspetor, mas foram impedidos pelos presos.
Conforme o diretor do Departamento de Polícia Metropolitana (DPM), delegado Jairo Façanha Pequeno, 26 presos estavam recolhidos nas celas da Delegacia e dez foram resgatados. Até o fechamento desta edição, ninguém havia sido recapturado.
Jairo Pequeno disse ainda que o delegado Aroldo Mendes, da Metropolitana de Caucaia, foi deslocado para o 18º DP com o objetivo de acompanhar a recontagem dos presos e o atendimento ao policial.
Após ser levado para o hospital, o inspetor deverá ser ouvido no inquérito instaurado para apurar a ação criminosa.
Conjunto Esperança
Na manhã última segunda-feira (26), dois homens invadiram o 19º DP (Conjunto Esperança) durante a entrega do café da manhã dos detentos. A dupla rendeu um policial civil e duas servidoras terceirizadas.
O objetivo era resgatar Luís Carlos Freitas da Silva, preso há duas semanas com um automóvel Corolla de placas clonadas e um revólver de numeração raspada. Porém, os outros detentos aproveitaram e também escaparam do Distrito Policial. Nenhum foi recapturado.

Irmãos suspeitos de atirar em policial são executados

APÓS DEPOIMENTO
policia
Francisco Carlos de Lima, de 21 anos, executado na Rua Júlio Verne por desconhecido
FOTOS: NAVAL SARMENTO
policia2
Francisco Rafael de Lima ainda tentou correr, mas foi perseguido e morto com vários tiros de pistola
Dois irmãos, suspeitos da tentativa de assalto que feriu o subtenente da reserva da Polícia Militar Raimundo Arruda de Melo, foram executados na Avenida João Pessoa e Rua Júlio Verne, nos bairros Parangaba e Itaoca. O duplo homicídio foi registrado na última segunda-feira (27), depois que os dois rapazes foram detidos e prestaram depoimento no 5º DP (Parangaba). A mulher de um deles, também foi baleada na cabeça.
Segundo a Polícia, por volta das 18 horas, Francisco Carlos de Lima, 21, e Francisco Rafael de Lima, 24, chegaram à Delegacia na Parangaba, acompanhados de policiais militares que teriam recebido informes sobre o envolvimento dos dois na tentativa de assalto ao subtenente.
O titular do 5º DP, delegado Renê Andrade, informou que os dois não eram investigados pela Polícia Civil, mas como os PMs chegaram ao local com eles e existia o informe de que os dois seriam envolvidos, foi solicitado que ambos fossem encaminhados à sede da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) para um exame residuográfico, que determina se houve disparo de arma de fogo, por meio da análise de resíduos de pólvora nas mãos dos suspeitos.
Os irmãos Francisco Carlos e Francisco Rafael retornaram à Delegacia para entregar os ofícios dos exames realizados na Pefoce. Ainda de acordo com o delegado, como não houve situação de flagrante e ainda não existia nenhuma prova que chegasse ao nível de inquérito, os policiais civis orientaram à família a esperar os rapazes na entrada da Delegacia e eles foram liberados.
Execução sumária
Francisco Carlos estava com a companheira, Jéssica Nathalia dos Santos, 23, ambos voltavam para casa em uma bicicleta e Rafael seguia a pé. Os três foram surpreendidos por um Palio de cor prata. Os indivíduos que saíram do automóvel realizaram disparos com pistola 380.
Às 21h28min foi morto Francisco Carlos de Lima e baleada Jéssica Nathália. Às 21h36min foi a vez de Francisco Rafael. Por não ter autoria, o delegado afirma que os primeiros levantamentos e a investigação foram realizados pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Mas como ocorreu na área da Parangaba, o caso também será investigado pelo 5º DP.
Em relação à tentativa de assalto que terminou com o subtenente da Polícia Militar baleado, o delegado informou que a investigação do caso está sendo feita pelo 5º DP e que a Polícia Civil trabalha com outros suspeitos, mas que devido à morte dos irmãos, prefere não divulgar mais informações até que o inquérito seja concluído.
O resultado do exame que determinará se os jovens realizaram disparos de arma de fogo deve ser entregue no próximo mês pela Perícia Forense.

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Polícia apreendem drogas e armas

Image-0-Artigo-1621277-1

Patrulhas do Comando Tático Rural (Cotar) realizaram uma operação no fim de semana no combate a assaltantes na região de Tejuçuoca (a 159 Km de Fortaleza). Na ação, quatro pessoas foram detidas. Em duas casas, os policiais militares encontraram um quilo de crack, uma espingarda calibre 22 e duas armas artesanais
Interior
Dois revólveres são apreendidos
Em outras duas operações do Comando Tático Rural (Cotar) dois revólveres foram apreendidos. Os casos foram registrados em Mombaça e Brejo Santo. Nas duas ações, dois homens acabaram presos.
Potira
Homem é morto no Parque Potira
Um homem, ainda não identificado, foi baleado e morto no Parque Potira, em Caucaia. Segundo a Polícia, ele tentou praticar um assalto e acabou morto com um revólver na mão.
Recuperação I
Policial militar continua internado
O policial militar Francisco Ferreira continua internado no IJF. Ele foi baleado no sábado em uma tentativa de assalto no Icaraí, em Caucaia. Ele é o quarto PM ferido em quatro dias. Um dos militares morreu.
Recuperação II
Outros dois PMs seguem no IJF
Os policiais militares Arlindo Gomes da Silva e Raimundo Arruda de Melo também se recuperam de lesões a bala sofridas durante a última semana em tentativas de assaltos.

Tiroteios deixam 3 mortos e 5 feridos

SÃO CRISTÓVÃO E JOÃO PAULO II

Em um dos casos, dois jovens foram executados e dois baleados, no anfiteatro ao lado do Cuca

Image-0-Artigo-1621221-1
O espaço de lazer, que foi construído para fazer parte do Cuca, tornou-se palco de cenas de violência. Ontem, as marcas de sangue ainda eram visíveis
FOTO: ÉRIKA FONSECA
Image-1-Artigo-1621221-1
Os corpos dos dois jovens, executados com tiros de pistola, ficaram nos degraus do anfiteatro F
OTO: DIVULGAÇÃO
Três pessoas foram mortas e cinco ficaram feridas em tiroteios ocorridos em uma área compreendida em cerca de 500 metros, durante duas ocorrências simultâneas, na noite de sábado, nos conjuntos São Cristóvão e João Paulo II, no Jangurussu, na Área Integrada de Segurança (AIS) 4. O primeiro caso, que vitimou duas pessoas, aconteceu em um anfiteatro, que fica ao lado do Centro Urbano de Cultura, Arte, Ciência e Esporte (Cuca) Luiz Gonzaga, conhecido como 'Cuca do Jangurussu'.
De acordo com informações da Polícia, dois homens, que estariam em um automóvel Peugeot, de cor preta, teriam chegado ao local, onde estava acontecendo uma programação especial para aos jovens, preparada pelos administradores do Cuca, e efetuaram vários dispararam contra um adolescente conhecido pelo apelido de 'Cachorro', que estava na arquibancada.
Três pessoas que estavam sentadas próximas a 'Cachorro', foram atingidas. Além do alvo da ação criminosa, que foi lesionado por 19 tiros, Mardônio Ribeiro da Silva, de apenas 15 anos, também morreu, após ser atingido por duas balas perdidas.
Feridos
Uma adolescente de 12 anos, que foi ferida no pescoço, e outro jovem ferido no pé foram encaminhados ao 'Frotinha' de Messejana, onde foram atendidos. A reportagem entrou em contato com a unidade, mas o estado de saúde dos pacientes não foi informado pelos funcionários.
Conforme informações de policiais do Ronda do Quarteirão que atenderam à ocorrência, 'Cachorro' já vinha sendo ameaçado por alguns desafetos por questões ligadas ao tráfico de drogas. Na noite de sábado, ele decidiu ir ao espaço de lazer, onde acabou assassinado.
A área onde o tiroteio aconteceu foi construída para fazer parte da estrutura do Cuca, mas por questões administrativas acabou sendo desmembrada. De acordo com o titular da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude, da Prefeitura de Fortaleza, Élcio Batista, a área não é mantida com os recursos dos Centros Urbanos e hoje é tida como uma praça pública.
"A princípio ele (anfiteatro) fazia parte do Cuca, mas hoje não. Nós administramos os Cucas e temos segurança privada, controlamos o horário de funcionamento até as 22 horas e não permitimos que bebidas alcoólicas sejam vendidas. Na parte onde fica o anfiteatro, não somos os gerenciadores, portanto não temos o controle". Batista disse, ainda, que a situação é preocupante. "Temos buscado dialogar e interferir na letalidade de jovens na região".
Adolescente
Enquanto as patrulhas da PM eram deslocadas até o Cuca para atender à ocorrência do duplo homicídio, vários estampidos foram ouvidos do outro lado do Canal, na Avenida Perimetral, já no Conjunto João Paulo II. Ali, os policiais militares se depararam com outro assassinato.
Na Travessa Espacial, que desemboca na Avenida Perimetral, a cerca de 500 metros do Cuca, estava caído Francisco Theyson Vieira Oliveira, de 15 anos. Segundo a Polícia, uma outra pessoa, que estava no beco, teria sido atingida de raspão, por uma bala perdida. Por enquanto, ainda não se sabe qual queria sido o motivo do crime.
Os suspeitos dos disparos empreenderam fuga pela pista da contra-mão, da Avenida Perimetral, mas encontraram uma patrulha do Ronda do Quarteirão e houve um confronto. Os dois ocupantes da moto foram baleados e a viatura foi avariada.
O condutor da moto, que disse se chamar Alessandro Nascimento afirmou que estava parado no semáforo, quando foi abordado por um homem que montou na garupa de seu veículo e lhe ameaçou com uma arma, dizendo que ele seguisse pela contramão da via.
Alessandro, que foi atingido na perna por um tiro, foi encaminhado ao hospital e depois ao 30ºDP (São Cristóvão). O garupeiro e suspeito de matar o menor, na Travessa Espacial, seria o traficante Francisco Clerton do Carmo, o 'Diabo Louro', que foi resgatado do 30ºDP, em maio de 2011. Na época, a ação terminou com a morte de um detento e com um inspetor e um delegado feridos.
Segundo a Polícia, 'Diabo Louro' conseguiu pular da moto e fugiu, mesmo baleado. Pouco tempo depois, os policiais descobriram que algumas pessoas deram entrada no 'Frotinha' de Messejana, vítimas das ocorrências do São Cristóvão e do João Paulo II. Ao chegar no local, os PMs acharam Francisco Clerton. Com medo de um ataque ao hospital, por conta do criminoso, a direção do 'Frotinha' decidiu suspender o atendimento por uma hora. Ontem, as visitas na unidade foram canceladas, mas o policiamento foi reforçado.
Márcia Feitosa
Repórter

CURIÓ E SÃO BERNARDO

Cinco armas apreendidas pela PM após duas mortes
Image-0-Artigo-1621216-1
Dentro do automóvel usado pela quadrilha, os policiais apreenderam cinco armas de fogo, sendo duas pistolas e dois revólveres
FOTO: DIVULGAÇÃO
Duas pessoas morreram durante um tiroteio, ocorrido no Curió, na Grande Messejana, após um bando ter invadido o bairro, em um táxi, para matar um desafeto. De acordo com a Polícia, cinco pessoas que ocupavam o automóvel Chevrolet Meriva, registrado como táxi, teriam ido ao local para executar um jovem, que ainda não foi identificado. Além dele, um dos integrantes do bando acabou morto.
Conforme o capitão Cleonardo Mesquita, do Ronda do Quarteirão de Messejana, a população acionou a Polícia dando conta dos disparos e de que uma pessoa estaria morta em via pública. Ao chegar lá, a patrulha RD-1069 realizou alguns levantamentos preliminares e conseguiu pistas que levaram ao paradeiro do táxi.
Uma perseguição foi iniciada e o veículo foi abordado no Conjunto São Bernardo. "Quatro pessoas, incluindo uma garota de 16 anos, desceram do carro e jogaram cinco armas no chão. Eles se renderam, sem apresentar nenhuma reação. Nos aproximamos e percebemos que tinha uma pessoa deitada no banco de trás do carro. Foi aí que vimos que o jovem estava morto".
Segundo o capitão Cleonardo, o suspeito que acabou lesionado, teria sido vítima de um 'fogo-amigo', ou seja, foi ferido por um comparsa, quando entrou na linha de tiro, no momento em que eles começaram a atirar no inimigo deles, ainda no bairro Curió.
"Quando viram que tinham ferido o alvo, mas também um comparsa, colocaram ele dentro do veículo e tentaram socorrê-lo, mas não houve tempo. O tiro no abdome foi fatal".
Capturados
Os quatro ocupantes do veículo foram capturados, inclusive o taxista, José Roberto de Oliveira Sousa, 51. Ele, José Alfredo Lima de Oliveira e Francisco Elder Alves da Silva, foram conduzidos ao 30ºDP (São Cristóvão), onde foram ouvidos e autuados.
José Roberto disse que havia sido feito refém pelos suspeitos das mortes, mas o capitão Cleonardo disse que ele portava várias munições nos bolsos. Elder Silva confessou que teria ido ao Curió para matar seu desafeto. Segundo ele, o motivo da execução seria vingança, mas não disse qual fato anterior teria culminado no atentado.
Os dois adolescentes que estavam dentro do veículo, uma garota de 16 anos e um garoto de 17, foram encaminhados à Delegacia da Criança do Adolescente (DCA). Um auto de apreensão em flagrante foi lavrado contra eles. Com o bando, a Polícia aprendeu cinco armas, sendo três revólveres, calibre 38; e duas pistolas, calibre 380.
As cinco armas foram entregues às autoridades policiais que realizaram os procedimentos nas delegacias.

sábado, 24 de maio de 2014

CNJ confirma indícios de venda de habeas corpus

DOCUMENTOS

Documentos teriam pré-provas contra desembargadores, advogados e servidores do Poder Judiciário

habeas corpus
Procurador-geral de Justiça do Estado do Ceará, Ricardo Machado, afirmou que o caso é 'lamentável' e a documentação é 'forte' contra os investigados na suposta rede de compra de habeas corpus
FOTO: KIKO SILVA
O procurador-geral de Justiça do Estado do Ceará, Ricardo Machado, anunciou ontem, durante entrevista coletiva, que recebeu da Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) documentação que aponta indícios da venda de habeas corpus em plantões do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE). Segundo Machado, nos documentos, promotores e procuradores do MPCE são eximidos de participação no caso.
Entretanto, há ainda a possibilidade do envolvimento de advogados, desembargadores, de servidores do Poder Judiciário e de um prestador de serviço terceirizado do MPCE, que já teria sido afastado do cargo, mas é citado como possível envolvido na suposta rede organizada.
"Não há indícios concretos da participação de membros do Ministério Público. Quero crer que tenha havido algum equívoco. Temos muitos terceirizados e nossa vigilância é permanente. Um fato desse pode ser protagonizado por qualquer tipo de servidor", afirmou Machado. O terceirizado em questão trabalhava em um escritório de advocacia pertencente a um dos advogados investigados.
Segundo o procurador, a documentação traz indícios considerados "fortes" da existência da prática da venda de habeas corpus durante os plantões do Judiciário, com base em depoimentos e conversas em redes sociais.
"Temos como indícios trocas de mensagens por aplicativo de celular, além de depoimentos em mídia física e em vídeo", explicou o procurador-geral.
Ainda de acordo com Machado, será feito um encaminhamento da documentação na próxima semana à Procuradoria Geral da República (PGR); à Ordem dos Advogados do Brasil, secção Ceará (OAB-CE); à Corregedoria do MPCE; e às Promotorias do Patrimônio Público , que também deverão investigar o caso em suas respectivas áreas de competências e atribuições.
"Esse é um caso lamentável. Há indícios fortes nessas pré-provas, nos documentos que chegaram do CNJ. Eles seriam suficientes para ajuizar ação de improbidade administrativa contra os envolvidos. Porém, não são o bastante para se chegar à alguma condenação. Os fatos ainda precisam ser investigados", disse Machado.
Rede organizada
A denúncia de venda de habeas corpus foi feita pelo presidente do Poder Judiciário Estadual, Luiz Gerardo de Pontes Brígido, em entrevista à TV Diário, no mês de abril. Segundo Brígido, o valor de venda dos habeas corpus chegava a R$ 150 mil durante os plantões.
Levi de Freitas
Repórter

Homens rendem gerente e vigilantes durante assalto ao Banco do Brasil de Madalena. Na fuga levam carro de vereador

timthumbEm uma ação silenciosa e ousada, dois homens assaltaram na manhã desta quinta-feira, 22, no município de Madalena, distante cerca de 62 Km de Quixeramobim, a agência do Banco do Brasil. Informações coletadas pelo Sistema Maior dão conta de que dois homens renderam o vigilante e o gerente da agência bancária e em seguida desprogramaram o cofre do Banco e levaram malotes de dinheiro. A operação de busca está sendo comandada pelo Capitão Timóteo, comandante da 1ª Companhia do 4º BPM.

Trio faz série de assaltos e troca tiros com a PM

EM ICÓ
Três homens, armados, realizaram uma série de assaltos na manhã de quinta-feira (22) na zona rural de Icó, a 375 km de Fortaleza. O trio ainda trocou tiros com a Polícia e conseguiu fugir. As ações tiveram início por volta das 10h30.
Os três suspeitos, ocupando duas motocicletas, abordaram quatro pessoas e tomaram joias, celulares, outros objetos e dinheiro. Na sequência, o mesmo grupo criminoso abordou outros dois homens, levando também dinheiro e pertences.
Tiroteio
A Polícia Militar foi acionada e conseguiu localizar o trio, que efetuou disparos contra a composição militar. Ninguém foi ferido, segundo a PM. Os assaltantes, então, fugiram através de um matagal. Na fuga, abandonaram as duas motocicletas, que eram roubadas e possuíam placas clonadas. Até o fechamento desta edição, nenhum dos acusados havia sido localizado.
 
(Colaborou Richard Lopes)

Homem é baleado em porta da Delegacia das Goiabeiras

OUSADIA
Francisco Eduardo de Albuquerque
Francisco Eduardo de Albuquerque, 22, o 'Elvis do Gueto, acabou baleado na entrada da DP
FOTOS: DIVULGAÇÃO
acusado
Murilo dos Santos foi preso por policiais militares no Morro de São Tiago com um revólver
Um homem foi vítima de uma tentativa de homicídio enquanto esperava para prestar depoimento no 33º DP (Goiabeiras), na Grande Barra do Ceará. O crime aconteceu no fim da manhã de ontem, por volta das 11h30. Francisco Eduardo de Albuquerque, 22, conhecido como 'Elvis do Gueto', estava na calçada da Delegacia com a mulher e a sogra dele quando foi atingido na altura do pescoço.
Francisco Eduardo estava solto há cerca de 30 dias, cumprindo pena em regime semiaberto por uma tentativa de homicídio. Na noite da última quinta-feira, poucas horas antes de ser baleado, ele foi detido por policiais militares por ter um mandado de prisão em aberto.
Alvará
Ele foi levado ao 7º DP (Pirambu), mas, ao chegar na Delegacia, a esposa dele apresentou o alvará de soltura. Foi constatado que o mandado de prisão contra Francisco Eduardo estava desatualizado no Sistema e ele acabou liberado. No entanto, solicitaram que ele comparecesse ao 33º DP, pela manhã, para prestar esclarecimentos.
 
De acordo com o delegado titular do 33º DP, Sidney Ribeiro Furtado, a vítima já respondia por roubo e tráfico e tinha ido até a unidade para prestar depoimento. Francisco Eduardo chegou na Delegacia e ficou esperando atendimento do lado de fora.
Enquanto aguardava foi alvo de vários disparos, vindo de um suspeito que estava em uma moto. Dos seis tiros disparados contra a vítima, apenas um atingiu Francisco Eduardo na altura do pescoço. Ele foi levado em um carro descaracterizado da Polícia Civil para o Instituto Doutor José Frota (IJF), onde permanece internado em estado grave.
No começo da tarde, Murilo dos Santos, 19, foi preso pela PM no Morro de São Tiago, na Barra do Ceará, com um revólver.

Três mortos e dois feridos no Papicu

VIOLÊNCIA NA CAPITAL
Image-0-Artigo-1620626-1
O clima ontem no local do triplo homicídio era de medo. Mães ficaram com receio de levar os filhos para a escola, temendo novos tiroteios
FOTO: REPRODUÇÃO/TV DIÁRIO
Moradores da comunidade Verdes Mares, no bairro Papicu, acordaram atordoados com os vários disparos de escopeta e pistola realizados em via pública, no cruzamento entre as ruas Júlio Azevedo e Ramos Botelho, na madrugada de ontem, por volta das 2h. O resultado dos tiros foram cinco pessoas baleadas, três delas morreram no local.
De acordo com a Polícia, dois suspeitos estavam em uma moto e outros homens ocupavam um veículo de modelo não informado. O bando estava armado e à procura de um desafeto conhecido pelo apelido de "Pardal". Ao encontrar o alvo no endereço informado o executaram e acabaram vitimando outras pessoas que estavam próximo.
Conforme a Polícia, a princípio, o alvo certo dos suspeitos era Marcos Antônio Viana Moreira,27, o Pardal. Ele já respondia por tráfico de drogas e homicídio. A Polícia acredita que o atentado deve estar relacionado a disputa por território de tráfico de drogas ou uma vingança pela morte de um rival.
Além de Marcos Antônio, foram baleados e mortos, o vigilante Francisco Sérgio Oliveira Matos,48, que voltava do trabalho e acabou sendo atingido, e José Tomaz da Silva Júnior, 40 que estava na calçada no momento dos disparos. Outras duas pessoas que foram baleadas estão internadas no Hospital Geral de Fortaleza (HGF). Fabrício Souza Rodrigues, que não corre risco de morrer, e Renato Nogueira Honorato,29, que foi submetido a uma cirurgia e seu estado é considerado grave.

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Missa campal homenageará vítimas do acidente com ônibus em Canindé

SOLIDARIEDADE ÀS FAMÍLIAS

estrada
Autoridades do município visitaram o Km 303, na BR-020, onde, no último domingo, um ônibus tombou, causando a morte de 18 pessoas
FOTO: ANTÔNIO CARLOS
Canindé. Uma missa campal em homenagem aos mortos no acidente do ônibus que tombou no último domingo, no Km 303 da BR-020, será celebrada as 16h do próximo sábado, uma semana após o sinistro. A solenidade eucarística deverá ser presidida pelo padre Moacir Cordeiro Leite. Na organização, atuam o chefe de gabinete da Prefeitura de Canindé, Jander Silva, secretário de Finanças, Vicente Gomes, e o vereador Chico Justa.
Segundo eles, o objetivo é prestar solidariedade para as famílias que perderam seus entes queridos na terceira maior tragédia envolvendo ônibus no Estado. "Vamos mobilizar autoridades de Boa Viagem, Madalena e Itatira, onde foram identificadas vítimas do acidente'', diz o secretário de Finanças de Canindé Vicente Gomes. O prefeito municipal Celso Crisóstomo disse que apoia a mobilização.
O acidente causou consternação pública na cidade. Muitas pessoas ainda comentam o acidente. "Foi a pior coisa que já vi na minha vida", lamenta o estudante Francisco Carlos da Silva, que ajudou na retirada dos corpos. "Estamos mobilizando a sociedade canindeense para esse ato que, com certeza, terá uma adesão muito grande, até porque o povo de Canindé é muito católico e solidário'', ressalta o chefe de gabinete, Jander Silva.
Antes da missa de sétimo dia, nesta sexta-feira, durante Sessão Solene na Câmara Municipal, os vereadores usarão preto como forma de homenagem aos mortos. "A população ainda está traumatizada com tudo que viu no último domingo, é uma cena que vai demorar muito tempo para sair da memória das pessoas'', afirma o vereador Chico Justa. Outra medida tomada pela Câmara Municipal é um requerimento assinado pelos edis Chico Justa, o presidente da Casa, Pedro Mirialdo, e Zeleide Araújo, filha natural de Boa Viagem, cidade que teve o maior número de vítimas.
O documento endereçado ao superintendente do Departamento Nacional de Infra- Estrutura de Transportes, Diógenes José Tavares Linhares, solicita em regime de urgência, a modificação para uma rotatória do triângulo localizado no KM 304 da BR-020, pois se trata de um trecho bastante movimentado, tendo em vista, que Canindé é uma cidade turística e de romaria, recebendo anualmente cerca de dois milhões de visitantes e romeiros.
"É muito mal sinalizado, e pega de surpresa motoristas desatentos, ou que não costumam passar pelo trecho frequentemente, ocasionando acidentes muitas vezes fatais, como o da manhã do último domingo, quando aconteceu a tragédia com um ônibus da Viação Princesa dos Inhamuns, que vinha de Boa Viagem para Fortaleza, onde morreram 18 pessoas, deixando 23 feridas'', relembra o vereador Chico Justa.
O vereador alerta ainda que, no referido trecho, é grande o fluxo de veículos, além de ser também trajeto de ônibus municipais e intermunicipais. Ele defende que, com a construção da rotatória, a velocidade dos veículos serão reduzidas, o que contribuirá positivamente na diminuição de riscos de acidentes.
Antônio Carlos Alves
Colaborador