sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Servidores realizam manifestação para reivindicar 30h semanais de trabalho

IFCE

O pro-reitor da instituição afirmou que antes de dialogar com os servidores vai analisar a situação

Servidores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) realizaram protestos, na tarde de hoje, na sede da reitoria do órgão, na Avenida Rui Barbosa, com o objetivo de reivindicar as 30 horas de trabalho semanal para todos e não somente para aqueles que trabalham em contato com os estudantes.

Segundo o professor do Instituto, Marcelo Marques, em 2012 a categoria entrou em greve durante 90 dias e conquistou o direito de trabalhar 30 horas semanais. No entanto, a situação mudou quando a Reitoria assinou uma portaria que modifica a jornada de trabalho dos servidores da Instituição e estabelece critérios que levarão a maioria dos técnico-administrativos a cumprir jornada de 40 horas semanais

“Estamos falando da qualidade de vida dos servidores e, consequentemente, qualidade também no atendimento aos estudantes do IFCE”, destacou o professor.

O pro-reitor da instituição, Ivan Holanda, explicou que vários critérios da Lei não foram observados quando a questão das 30 horas foi determinada. “Não queremos tirar os direitos de ninguém. Mas, temos que cumprir a Lei”, frisou.

Holanda afirmou que antes de dialogar com os servidores vai analisar a situação para ver o que pode ser feito. Principalmente porque  ele julgou que houve invasão dos professores e técnicos a sede da reitoria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário