segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Detentos fazem motim em cadeia


SOBRAL
Image-0-Artigo-1757081-1
O complexo penitenciário ocupa uma área de 1.702,72 metros quadrados. A unidade tem capacidade para abrigar 152 detentos
FOTO: WELLINGTON MACÊDO
Presos da Cadeia Pública de Sobral (a 250Km de Fortaleza) fizeram um motim reivindicando a transferência da unidade e queimaram colchões e destruiram celas. O Corpo de Bombeiros foi acionado para combater o incêndio, que só foi debelado depois de uma hora.
Familiares e curiosos se aglomeraram na portaria do prédio, que foi cercado por policiais do Ronda do Quarteirão, Batalhão de Policiamento e Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) e Comando Tático Rural (Cotar). Equipe da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) também foi acionada e uma aeronave pousou na unidade por volta das 13 horas, mas o motim já estava controlado, de acordo com o coronel PM Lindonjonhson, comandante do 3º BPM de Sobral.
A unidade abrigava, no momento da rebelião, 220 presos homens e 65 mulheres. A ala feminina não foi atingida.
Dos 220 internos, 125 detentos permaneceram na área atingida pelo motim, 67 foram transferidos para Pires Ferreira e 28 para Fortaleza. A cadeia Pública de Sobral agora terá que passar por uma reforma. A unidade tem capacidade para abrigar 152 detentos do sexo masculino. O complexo ocupa área de 1.702,72 metros quadrados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário