terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Vigilante armado tem direito à aposentadoria especial

Os vigilantes armados tem direito a aposentadoria especial, de 25 anos de serviço, tendo em vista que a exposição da integridade física destes trabalhadores é indissociável da atividade de alto risco e perigo que desempenham em seu dia a dia, frente aos eventos inesperados e repentinos que ocorrem e estão sujeitos em seus postos de trabalho.
Os vigilantes armados, no desempenho de suas atividades, diariamente, estão expostos de modo habitual e permanente a alto risco inerente à própria função de vigilante, arriscando sua própria vida para proteger o patrimônio de sua empregadora, bem como de clientes, funcionários, mantendo a segurança e a ordem e vigiando o ambiente da entidade, inibindo, dificultando e impedindo roubos, assaltos, sequestros, ataques, saques, ameaças e/ou qualquer outra ação delituosa advinda de suspeitos.
Portanto, companheiros (as), ao completarem 25 anos de serviço, procure o sindicato para dar entrada em sua aposentadoria.
O sindicato disponibiliza atendimento jurídico previdenciário na entidade para atender a categoria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário