sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Esposa de PM assassinado reconhece suspeito pelo crime

Adolescente seria um dos autores do homicídio, realizado em janeiro deste ano
A esposa do soldado da Polícia Militar, Samuel Rodrigues Tabosa, reconheceu um adolescente apreendido na manhã desta quinta-feira (5), no bairro Passaré, em Fortaleza, como um dos autores pela morte de seu marido, assassinado em janeiro deste ano. 
Herbênia Rodrigues, esposa do militar, foi à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), às 17h desta quinta. No local, ela fez um reconhecimento e afirmou ter certeza que ele é um dos responsáveis pela morte do Soldado Rodrigues. 
O adolescente foi apreendido pela Polícia Militar. Ele é suspeito de realizar vários assaltos na região. No momento em que foi encontrado, ele estava com grande quantidade de drogas.
Caso
De acordo com informações da polícia, Samuel Rodrigues retornava do trabalho quando foi abordado por três homens em um carro. O policial trabalhava em Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza. Ele estava fardado no momento do crime. A polícia informou que os homens assaltaram o PM. Ele morreu na hora. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário