terça-feira, 9 de junho de 2015

Polícia prende um e mata suspeito de assassinar policial em troca de tiros

Policial de 35 anos morreu em Fortaleza na tarde desta segunda-feira (8).
Dois suspeitos morreram e dois foram presos; um segue foragido.

Do G1 CE
A ação da Polícia Civil em represália à morte do policial civil Antônio Márcio de Souza, de 35 anos, na tarde desta segunda-feira (8) resultou na morte de um suspeito em troca de tiro e na prisão de outros dois. O terceiro suspeito havia sido morto durante troca de tiro com o policial assassinado. 
Antônio Márcio Rios de Souza, 35 anos, morreu após ser baleado na tarde desta segunda-feira (8) durante uma tentativa de assalto numa lan house do Bairro Monte Castelo, em Fortaleza. A morte foi confirmada pelo hospital Instituto Dr. José Frota, onde o inspetor estava internado na sala de reanimação em estado gravíssimo.
Policial foi atingido com três tiros e morreu horas depois (Foto: Sindicato da Polícia Civil do Ceará)Policial foi atingido com três tiros e morreu horas
depois (Foto: Sindicato da Polícia Civil do Ceará)
Após o homicídio, os policiais fizeram buscas pelos assaltantes, localizados no Bairro Vila Velha, onde dois homens foram presos. A polícia procura o quinto suspeito de participação no crime.
Segundo o Sindicato Policiais Civis do Ceará (Sinpoci-CE), três suspeitos tentaram roubar uma lan house na Rua João Tomé, quando foram surpreendidos pelo policial civil que estava no estabelecimento e reagiu ao assalto. Houve troca de tiros e o policial foi baleado na cabeça, costas e pernas.
Imagens de circuito interno flagram o momento em que os três suspeitos são surpreendidos com a reação do policial civil. No vídeo, o inspetor reage ao ser abordado por um dos suspeitos, que o imobiliza.. Em seguida, os ladrões trocam tiros com o policial e fogem.
Os suspeitos fugiram em um carro de cor vermelha e foram encontrados no Bairro Vila Velha. De acordo com a PM, um deles foi encontrado baleado morto no banco de trás do veículo.
O Sinpoci informou que a placa do carro usado no assalto era clonada, conforme boletim de ocorrência registrado em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, por uma mulher que teve o veículo clonado pelos assaltantes.
Este é o segundo caso em 24 horas de policial baleado em Fortaleza. Na madrugada deste domingo (7), um policial militar foi atingido no pescoço ao reagir a um assalto no Bairro Rodolfo Teófilo. Segundo o Sinpoci, é o quarto caso de inspetor baleado neste ano na capital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário