segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Grupo armado explode agência do Banco do Brasil

Um grupo formado por aproximadamente uma dúzia de pessoas, utilizando armas de grosso calibre, invadiu a cidade de Araripe, a 527 quilômetros de Fortaleza, na madrugada de sábado (10), provocando momentos de tensão nos moradores. Na ação, os suspeitos explodiram uma agência bancária e fizeram reféns. Na fuga, ainda espalharam armadilhas na estrada, deixando três viaturas policiais incapacitadas de agir.
Conforme informações da Polícia, o grupo estava em uma caminhonete Toyota Hilux de cor preta. Eles portavam fuzis e pistolas. Os suspeitos dirigiram-se à agência do Banco do Brasil daquele Município e a explodiram. O prédio do estabelecimento ficou completamente destruído.
Fuga
Segundo a PM, apesar do estrago feito, nenhum valor foi levado pela quadrilha.
A Polícia foi acionada e teve início uma perseguição. Na evasão, os criminosos fizeram alguns populares de reféns. As pessoas arrebatadas foram levadas pelo grupo por cerca de 45 minutos e soltas nas proximidades da Serra do Araripe, sem sofrer nenhum ferimento.
No caminho, foram postas armadilhas para impedir o avanço das investidas policiais. Objetos cortantes e pontiagudos foram deixados na estrada vicinal e furaram os pneus de quatro patrulhas policiais. O grupo teria fugido em direção ao Estado de Pernambuco. Equipes do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), Comando Tático Motorizado (Cotam), Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), e Comando Tático Rural (Cotar) de cidades vizinhas auxiliam nas buscas pelos suspeitos.
Pelos dados da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) da Polícia Civil, este foi o 52º ataque a instituição financeira registrado em 2015 no Ceará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário