terça-feira, 19 de abril de 2016

Mais um policial militar barbaramente assassinado no Ceará.

A vítima de hoje foi o Subtenente PM Francisco WELLINGTON da Silva, da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), morto em uma saidinha bancária no município de Pacajus . O graduado é o sétimo profissional da segurança morto, em 2016, no Estado, sem contar com o Cabo do Exército Brasileiro, assassinado no mês passado.
É uma média de um policial morto a cada 20 dias. Já cobramos aumento no efetivo da Polícia Civil, já sugerimos a vinda da Força Nacional, mas até agora o governador só tem ignorado os reclames da população e de seus representantes. Fica o nosso luto e a nossa indignação diante de tamanha violência que a cada dia nos assusta e adoece a sociedade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário